Pelo vinho e pelo pão

Quantos olhos você tem
Pra me falar
Quantas bocas você diz
A me olhar
Quantos dentes eram tristes
Quantos eram solidão
Outros eram diferentes
Não nasceram para o chão
Claros pelos evidentes
Nascerão em cada mão
Lívidos e conscientes
Pelo vinho e pelo pão
Beijos de doce veneno
Quero sim e quero não
Pelo fogo dos repentes
Desafiam o coração


img_0667-1_1200
Fonte: weavinglight.wordpress.com

Quero uma noite no inverno mais frio
Envolta na certeza que só o vinho nos traz
A boca dormente e sagaz
Os olhos brilhando, retintos
Buscando no canto escuro do recinto
Mais perfeito, mais escondido da alma

Quero uma noite no inverno mais frio
Liberta em saudades de um tempo sem carma.

Anúncios

Autor: Lis

A wicked witch.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s