Dores, amores

O primeiro amor foi uma facada no peito Uma ferida aberta na água salgada A embriaguez etérea, a ressaca O retorno do boêmio ao bar Inefável, infalível pedestal E quando acabou, tu juravas que morreria Que não haveria outro dia - Mas o dia veio. O segundo amor foi um estilhaço de vidro Curando aquela … Continue lendo Dores, amores

Anúncios

Diálogos com Clarisse: o retorno

Não li o horóscopo ontem, mas pela lua minguante e o período do mês, era certo que receberia a visita de Clarisse por esses dias. Senti isso na sexta-feira. Uma desconfiança no canto dos olhos, um ardor nos ouvidos, uma dorzinha chata debaixo das narinas. Ela ia chegar e meter os dois pés no meu … Continue lendo Diálogos com Clarisse: o retorno

Espelho

Clarisse está aqui me fazendo companhia. O cheiro de cigarro de canela envolve sua imagem enquanto ela se serve de mais uma xícara de café. _ Você sabe o que devia estar fazendo, né. _ Sim - respondo. _ E mesmo assim não vai fazer? _ Não tô com cabeça pra isso hoje. _ É … Continue lendo Espelho

Blue monday

No hemisfério norte, a terceira segunda-feira de janeiro é considerada a data mais triste do calendário. Deve ser por causa do inverno - o frio, a vontade de não sair de casa, não fazer nada, esperar o dia terminar. Tem até nome para a data: blue monday. Em inglês, o azul é a cor da tristeza. Faz … Continue lendo Blue monday