Morfina

Em 2011, quando me inscrevi no curso de Estrutura Literária ministrado pelo Eduardo Spohr, nunca poderia imaginar que dali surgiria uma confraria e uma coletânea de contos. Éramos onze pessoas empolgadas (eu de bendito fruto, única mulher no grupo): tudo era possível, enfrentaríamos os mares bravios, iríamos com tudo, go go team.

A primeira tarefa a ser vencida era, claro, escrever o bendito conto.

Lembro claramente da pressão que eu mesma joguei sobre os ombros. Sobre o que iria escrever? Vou montar o esquema que aprendi no curso, organizar tudinho e seguir à risca a jornada do herói? Ou vamos esperar a Musa tocar meu rosto e me empurrar no caminho certo?

No fim das contas, eu estava com uma página em branco diante de mim. Dentro do ônibus, um calor infernal, as têmporas suando. Fim de mais um dia de trabalho. Eu ainda atravessaria a cidade para chegar em casa.

Então a Musa soprou alguma coisa nos meus ouvidos.

Daí me veio a lembrança desta música e eu comecei a escrever no caderno. A caneta escorregava entre os dedos, rápida, garranchos lindos. A mão tentava acompanhar o pensamento.

 

Resultado de imagem para revista bizz
Fonte: R7.com

Conheci o Morphine por volta de 1998 graças a um cd que veio junto em uma edição da revista Bizz. Nem sei se a revista ainda existe, provavelmente não. Mas ali tinha Morphine, Marianne Faithful e mais um monte de gente boa da qual não me lembro agora. Esse trio ganhou meu coração instantaneamente porque o contrabaixo domina.

 

 

E sim, a minha história acabou sendo um pouco baseada na letra desta música.

Quando desci do ônibus, a história estava praticamente terminada. Eu iria passar a limpo, revisar, inserir mais algumas cenas – mas o coração estava lá, pulsando. A minha pequena diabinha dançava ao som de Morphine, insinuante em seu vestido vermelho.

Anúncios

Divulgação: Os Lugares do Meio

O meu confrade Pablo Amaral Rebello está com um projeto no catarse para publicação de seu novo livro, intitulado Os Lugares do Meio. Clique aqui para conhecer o projeto e saber mais sobre as recompensas para quem financiar. Tem muita coisa interessante, inclusive eu já até sei qual escolher…

Tive o imenso prazer de conhecer o Pablo no ano de 2011. Foi no curso de Estrutura Literária oferecido pela Faculdade Hélio Alonso no Rio de Janeiro, e ministrado pelo autor de A Batalha do Apocalipse e da série Os Filhos do Éden, Eduardo Spohr. Eu, Pablo e mais alguns alunos deste curso nos unimos e publicamos uma coletânea – Contos da Confraria.

Pablo já publicou dois livros em e-book: Deserto dos Desejos (do qual fui revisora) e O Buraco dos Malditos. Agora o desafio é transformar o novo projeto em livro impresso.

 

E-book: Deserto dos Desejos

deserto-dos-desejos

Party people, o e-book do meu confrade Pablo nasceu! Clique aqui para prestigiar e comprar, tá com um precinho camarada. Aproveitem para ir lá no boteco dele comentar, criticar (de forma construtiva e respeitosa, por favor) e encher a casa do rapaz com hit de visitas 🙂

Divulgando: Deserto dos Desejos

Meu confrade Pablo Amaral, com quem tive a honra de participar na minha primeira empreitada publicada, está preparando um e-book. Estou dando aquela mãozinha revisora, sendo a chata que acrescenta vírgulas e verifica concordâncias, enchendo a caixa de email, essas coisas.

A divulgação de seu e-book, intitulado Deserto dos Desejos, será feita pelo blog Boteco do Pablo. Por enquanto podemos acompanhar seus comentários sobre o trabalho de polimento do texto, saber como surgiu a ideia para o livro e afins. Eu, enquanto madrinha coruja, também estou ajudando a espalhar a boa nova.

Assim como eu, Pablo adora histórias de terror. Ele inclusive fala sobre isso lá no Boteco. Preparem seus corações…

Contos da Confraria

Party people, como disse há uns posts, eu e mais dez doidos lançamos uma coletânea de contos este mês. Foi um sucesso! Tudo lindo, livraria cheia, vários autógrafos, fotos e uns bons drink. O registro do dia do lançamento pode ser visto aqui.

Então, venho aqui humildemente vender o peixe – quer dizer, o livro – e avisá-los que o mesmo já se encontra disponível para compra! Já consta no catálogo da Livraria da Travessa e na Loja Singular. Logo, logo, também estará no Sr. Saraiva e na Livraria Cultura. Aguardo comentários, críticas, rasgações de seda e alfinetadas pelo Skoob ou por email/comentários também 😉

 

Virei gente grande e publiquei! – – Lançamento do livro “Contos da Confraria”

Party people, IT’S ALIVE!!! *________________________*

O fruto de onze mentes insólitas está finalmente maduro e fará sua estreia no mês que vem. Já posso dizer que sou “escritoura” 😛

Ano passado participei do curso de Estrutura Literária ministrado por Eduardo Spohr, autor de A Batalha do Apocalipse e Filhos do Éden. O curso me abriu a mente para a tal Jornada do Herói e em como ela se aplica nas mais diversas áreas – literatura e cinema, principalmente; mas também na história de vida de todos nós – e também me trouxe várias ótimas surpresas: entre elas, esses dez guris que se empolgaram em unir suas mentes doidas para juntos nos lançarmos na aventura de publicar.

Um oceano de emails trocados, reuniões, discussões acaloradas e conversas de bar… E eis que nasceu! Convido a todos os interessados por literatura fantástica, fantasia, ficção científica e terror para ler nossas páginas.

LANÇAMENTO DO LIVRO CONTOS DA CONFRARIA

DATA: 08 DE AGOSTO DE 2012

HORÁRIO: 19HS

LOCAL: BLOOKS LIVRARIA – PRAIA DE BOTAFOGO, 316

Link do lançamento no Facebook: https://www.facebook.com/events/335105089909087/

Página: https://www.facebook.com/contosdaconfraria